Carregando Idioma...

Curso de Inteligência e Investigação em Fontes Abertas – OSINT - 10ª Edição

Conceitos, funcionalidades e aspectos práticos sobre fontes abertas e seu potencial uso para fins da inteligência, investigação criminal, investigação defensiva e utilização privada.

1 Digital Download
1 Course

12x

124,99 BRL

+ 5% discount in one installment
Política de cancelamento: em até 7 dias após aquisição, desde que não tenha sido visto mais de 20% do conteúdo. No caso de cursos com agenda de início posterior à aquisição, o prazo de 7 dias é contado do primeiro dia de aula ou treinamento.

What you get

  • Orientações e Grupo de WhatsApp - Osint 10ª Edição (2 submissions per month)
  • 32 hours course
  • 1 downloadable resource
  • Certificate of completion

Share

12x

124,99 BRL

+ 5% discount in one installment
Política de cancelamento: em até 7 dias após aquisição, desde que não tenha sido visto mais de 20% do conteúdo. No caso de cursos com agenda de início posterior à aquisição, o prazo de 7 dias é contado do primeiro dia de aula ou treinamento.

What you get

  • Orientações e Grupo de WhatsApp - Osint 10ª Edição (2 submissions per month)
  • 32 hours course
  • 1 downloadable resource
  • Certificate of completion

Course Schedule

🚀   Inscrições
- A qualquer momento;
- Integrantes das forças de segurança pública e militares têm desconto de 30% no pagamento a prazo (solicitar cupom pelo e-mail cursos@wbeducacional.com.br ou WhatsApp).

🗓   Agenda
- Você vê as aulas quando quiser. Elas foram gravadas entre 17 e 28/07/2023, pelo Google Meet;
- você pode rever as aulas e baixar os conteúdos disponibilizados (apresentações e arquivos complementares).

💡   Informações adicionais
- O curso possui uma duração total de 32 horas-aula;
- Todo o conteúdo ficará disponível por 365 dias (1 ano);

  • Você tem direito ao eBook OSINT: Ferraments & Metodologias

About the Bundle

Sobre o curso de inteligênicia e investigação em fontes abertas #osint ["o mais tradicional da WB"]:

Observamos, no contexto atual, ampliado pela utilização da Internet em meio à pandemia do coronavírus, um crescimento cada vez maior da utilização de sistemas de comunicação via Internet. Esse fenômeno proporciona duas consequências em relação aos dados pessoais: aquilo que é coletado a respeito dos usuários e aquilo que é disponibilizado voluntária ou não voluntariamente na rede.

Parametrizando esse ambiente, de disponibilização de dados de maneira voluntária e involuntária, bem como da possível utilização para os mais diversos fins, surgem as aplicações práticas em termos de Open Source Intelligence (OSINT).

A inteligência em fontes abertas tem múltiplas finalidades e, como já observado em Barreto e Wendt (2020), tem como focos possíveis a investigação criminal, as vertentes da atividade de inteligência, o monitoramento de marcas e patentes, o levantamento de dados para fins de recursos humanos (recrutamento e desligamento), mas também a possibilidade de utilização para fins de investigação defensiva e inteligência comercial, financeira, antifraude, estratégica etc.

Para tanto, este curso tem em vista elencar conceitos, funcionalidades e aspectos práticos sobre as fontes abertas e seu potencial uso para fins da inteligência (competitiva, financeira, corporativa, policial, militar etc.), investigação criminal, investigação defensiva e utilização privada (recursos humanos, acompanhamento de marcas e patentes, evolução patrimonial, jornalismo investigativo etc.), partindo de um contexto geral e chegando ao contexto particular.

Em suma, tem como finalidade repassar conceitos de Internet, de fontes abertas e fechadas; como tudo funciona: Políticas de Privacidade e Termos de Uso; Polícia, Judiciário e Ministério Público: Emprego de OSINT; Crime e Fontes Abertas; Criação de um Assistente Virtual de Investigação (AVI) e uma OpSec; RH, bancos de dados públicos e Fontes Abertas; Dupla Verificação da Fonte; Técnicas e Ferramentas de Coleta em Fontes Abertas; Palavras-chave; Ferramentas de Busca; Google Hacking; Google: Imagens, Trends, Alerts. Sites: ranking e whois. Reversa de imagens: Exif Metadata; Pessoas e Empresas; Transporte; Ferramentas de preservação de dados e evidências online; Redes Sociais; Deep e Dark Web; dentre outros temas.

Objetivo Geral

Capacitar o participante do Curso de Inteligência e Investigação em Fontes Abertas - OSINT - 10ª Edição a coletar e analisar dados e informações em fontes abertas no contexto das surface e deep web, especialmente as funcionalidades a partir de engenhos e mecanismos/ferramentas de busca.

Objetivos Específicos

• Reproduzir habilidades técnicas para atuar no ambiente digital, de maneira segura, coletando e buscando dados e informações úteis ao desempenho da sua atividade laboral;

• Empregar na prática o conteúdo e as ferramentas indicadas;

• Empregar as técnicas e procedimentos na produção do conhecimento útil à atividade profissional e à empresa/corporação a que pertence;

• Desenvolver, na atividade de inteligência, uma cultura de obtenção, produção e proteção de conhecimentos hábeis à utilização na missão institucional;

• Desenvolver, na investigação criminal, uma cultura de obtenção e análise evidências digitais aptas a inquéritos e processos (administrativos e/ou judiciais);

• Desenvolver, no setor de recursos humanos, uma cultura de pesquisa e obtenção de dados aptos a gerar segurança na contratação e desligamento de colaboradores;

• Aplicar, na atividade de inteligência, a metodologia de coleta, busca e produção do conhecimento significativo às tomadas de decisões;

• Desenvolver a cultura de proteção de dados e controle de marcas e patentes, por meio do acompanhamento sistemático no ambiente online.

Certificação Conferida

CURSO DE INTELIGÊNCIA E INVESTIGAÇÃO EM FONTES ABERTAS – OSINT – 10ª EDIÇÃO

[32 HORAS-AULA]

Sobre os professores:

  • Prof.º Mestre Alesandro Gonçalves Barreto

Delegado de Polícia Civil do Estado do Piauí. É graduado pela Universidade Regional do Cariri (1998) e pós-graduado em Direito pela Universidade Federal do Piauí. Possui Mestrado em Seguridad de la Información y Continuidad de Negocio (Ciberseguridad) – Universidad Catolica de Murcia – Espanha.

Coautor dos livros: “Inteligência e Investigação Criminal em Fontes Abertas”, “Manual de Investigação Cibernética”, “Deep Web” (Brasport), “Vingança Digital” (Mallet) e “Cibercrimes e os reflexos no direito brasileiro” (Juspodivm). Foi Diretor da Unidade do Subsistema de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí de 2005 a 2016. Integrou o Grupo de Trabalho revisor da Doutrina Nacional de Inteligência de Segurança Pública. Professor de Cursos de Inteligência Cibernética pela SENASP (Secretaria Nacional de Segurança Pública) e SEOPI (Secretaria de Operações Integradas).

Professor na Academia de Polícia Civil do Piauí das disciplinas Inteligência de Segurança Pública e Investigação Policial e da Escola da Magistratura. Trabalhou na Secretaria Extraordinária para Segurança de Grandes Eventos do Ministério da Justiça (SESGE-MJ) e foi Gestor do NUFA (Núcleo de Fontes Abertas) durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Entre os anos de 2017/18, foi Coordenador Geral de Contrainteligência da Diretoria de Inteligência e Coordenador-Geral Substituto da Polícia Judiciária e Perícia da Diretoria da Força Nacional de Segurança Pública da Secretaria Nacional de Segurança Pública. Atualmente encontra-se mobilizado na Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública exercendo suas atividades no Laboratório de Operações Cibernéticas.

Mais informações: (Linkedin: https://www.linkedin.com/in/delbarreto19/ e Lattes: http://lattes.cnpq.br/7549439127781463).

  • Prof.º Doutor Emerson Wendt

Formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Santa Maria e Pós-graduado em Direito pela URI-Frederico Westphalen. Mestre e Doutor em Direito pela Universidade La Salle Canoas-RS.

Delegado da Polícia Civil do RS. Membro do Conselho Superior de Polícia – PCRS. Ex-Secretário Municipal de Segurança Pública de Canoas-RS. Ex-Chefe da Polícia Civil do Rio Grande do Sul e Presidente do Conselho Superior de Polícia da Polícia Civil (2016 a 2018). Foi Diretor do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico por duas oportunidades (2000 e 2015) e Diretor do Gabinete de Inteligência e Assuntos Estratégicos também por duas oportunidades (2005-2006 e 2011-2014). Foi Vice-Presidente Regional do Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC) de abril de 2016 a abril de 2017, passando a partir daí Vice-Presidência Executiva do mesmo Conselho, assumindo a Presidência em abril de 2018, deixando o posto em dezembro de 2018.Também foi Secretário-Executivo do referido Conselho no primeiro semestre de 2019. Entre janeiro de 2019 e janeiro de 2020, Diretor do Departamento de Inteligência de Segurança Pública da SSP/RS. Foi condecorado pelos seguintes órgãos: Exército Brasileiro, Marinha do Brasil, Força Aérea Brasileira, Ministério Público do RS, Assembleia Legislativa do RS, Ministério da Segurança Pública, Polícia Civil do Pará, Polícia Civil da Bahia, Polícia Civil de Sergipe, dentre outros. Recebeu o Título de Cidadão de Porto Alegre e de Nova Palma-RS.

Professor da Academia de Polícia Civil nos cursos de formação nas cadeiras de Inteligência Policial e Investigação Criminal, além de docente no Curso de Pós-Graduação em Gestão da Investigação Criminal da Polícia Civil gaúcha. Também, é/foi professor dos cursos de pós-graduação e/ou extensão do Senac-RS (Passo Fundo), IDC (Porto Alegre), Verbo Jurídico (Porto Alegre), UNIRITTER (Canoas e Porto Alegre), EPD (São Paulo, SP), IMED (Passo Fundo e Porto Alegre), ESMAFE/RS (Porto Alegre), UNITOLEDO (Porto Alegre), Unifacs (Salvador, BA) e Uninorte (Rio Branco, AC), FEMA (Santa Rosa-RS), CEISC e UNISC (Santa Cruz do Sul-RS), AJURIS (Porto Alegre-RS), FMP (Porto Alegre-RS), UPF (Passo Fundo), IDESP/FABAD (São Paulo), FDSM (Pouso Alegre-MG), Meu Curso (São Paulo), PUC/RS (Porto Alegre), UPE (Recife) e Unisinos (São Leopoldo). Já ministrou aula nas Academias das Polícia Civis de Pernambuco, Pará, Goiás, Paraná, Acre, Alagoas, Sergipe, Rondônia, Espírito Santo, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Piauí e Amapá. Já ministrou aulas aos Ministérios Público de Rondônia, Ceará, Pernambuco, Goiás, Mato Grosso e São Paulo.

Membro da Associação Internacional de Investigação de Crimes de Alta Tecnologia (HTCIA), do PoaSec e do INASIS, além de integrante, em 2019, do Comitê Gestor de Tecnologia da Informação da Secretaria de Segurança Pública do RS (GGTIC-SSP/RS), do Comitê Técnico de Tecnologia da Informação e Comunicação (CETIC-RS), da Comissão Mista de Reavaliação de Informações do RS (CMRI-RS) e do Conselho Deliberativo do Programa de Proteção à Testemunhas no RS (PROTEGE). Autor e colaborador dos seguintes livros:

- Inteligência Cibernética (Editora Delfos).

- "Crimes Cibernéticos: ameaças e procedimentos de investigação" (3ª edição: 2021), com Higor Vinícius Nogueira Jorge (Editora Brasport).

- "Inteligência Digital", "Investigação Digital em Fontes Abertas" e "Inteligência e Investigação Criminal em Fontes Abertas", com Alesandro Gonçalves Barreto (Editora Brasport).

- "Investigação Criminal: ensaios sobre a arte de investigar crimes" e "Investigação Criminal: Provas", juntamente com o Fábio Motta Lopes (Editoras Brasport e Livraria do Advogado).

- "Internet & Direito Penal - Risco e Cultura do Medo" (Livraria do Advogado Editora).

- "Tecnologia da Informação & Direito", com ngela Kretschmann (Livraria do Advogado Editora).

- "Direito & TI: cibercrimes" (Livraria do Advogado Editora).

- “O Direito Vivo”, juntamente com Valquiria P. Cirolini Wendt (Ed. Brasport).

- "Infiltração Policial: da tradicional à virtual", com Cristiano de Castro Reschke e Mayumi Matsubayaci (Ed. Brasport).

- “Investigação de Lavagem de Dinheiro e Enfrentamento à Corrupção: Leading Cases”, com Cristiano de Castro Reschke (Ed. Brasport).

- “Direito Policial: na raiz dos problemas”, com Valquiria P. Cirolini Wendt e Joaquim Leitão Jr. (Ed. Brasport).

- “Tratado de Inteligência Policial: aplicada a investigação criminal”, com Cristiano de Castro Reschke (Ed. Brasport).

Autor de diversos artigos e capítulos na área de Direito e Internet e Editor-Chefe da Revista Eletrônica Direito & TI (www.direitoeti.com.br, Qualis Capes B1).

Mais informações: (Linkedin: http://br.linkedin.com/in/emersonwendt e Lattes: http://lattes.cnpq.br/9475388941521093)

Professores Convidados:

  • Prof.º Especialista Francisco Jesús Rodríguez Montero

Ex-membro do Instituto Nacional de Segurança Cibernética da Espanha (INCIBE), departamento de luta contra o cibercrime e o crime cibernético. Reconhecimento de excelência pelo Instituto Nacional de Segurança Cibernética da Espanha (INCIBE). Professor do Mestrado em Inteligência Cibernética do Campus Ciberseguridad de España. Formador Cyberwall para para órgãos e forças de segurança do estado [Espanha]. Formador CSIRT República Dominicana (2021 y 2022). Formador do Commando Conjunto de Ciberdefesa da España (2020 y 2022). Chefe do programa de conscientização sobre cibersegurança do Banco Central do Chile com ITQLATAM.

Linkedin: https://www.linkedin.com/in/0fjrm0/ 

  • Prof. Mestre Pedro Monteiro da Silva Eleutério

Graduado em Engenharia de Computação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e mestre em Ciências da Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (USP). Atua como Perito Criminal Federal na área de Informática desde 2006. É autor do livro “Desvendando a Computação Forense”, uma das primeiras obras sobre Computação Forense no Brasil. É um dos autores colaboradores do livro “Tratado de Computação Forense”, que é a maior obra em língua portuguesa sobre o assunto. É professor de pós-graduação e de diversos cursos de aperfeiçoamento profissional sobre Computação Forense. É autor da "Ferramenta Forense NuDetective", que auxilia na identificação de arquivos de pornografia infanto-juvenil em computadores e smartphones. Também realiza pesquisas e possui diversos artigos científicos publicados em Computação Forense, tendo recebido, entre outros, os prêmios “1º Prêmio Destaque Forense” e “3º Prêmio Destaque Forense” concedidos pela Sociedade Brasileira de Ciências Forense (SBCF), “Travel Award Winner” concedido no encontro mundial de Peritos (20th World Meeting of the International Association of Forensic Sciences – IAFS 2014) e “Best Paper Awards” concedidos no 5th ICoFCS (International Conference of Forensic Computer Science) e também no DFRWS EURO 2023. Também possui as seguintes certificações forenses internacionais da Cellebrite: Cellebrite Advanced Smartphone Analysis (CASA), Cellebrite Evidence Repair Technician (CERT-F), Cellebrite In-System Programming (CISP) e Cellebrite Chip-Off Forensics (CCOF).

Mais informações: (site oficial: www.eleuterio.com e Lattes: http://lattes.cnpq.br/4648606349435392).

Orientações e Grupo de WhatsApp - Osint 10ª Edição

You interact in a direct conversation with WB Educação to perform this activity, which can be done 2 timesLANDING_PRODUCT.ACTIVITY.CYCLE.MONTHS, until the end of product access.

Orientações e informações de acesso ao grupo exclusivo da turma no WhatsApp

Bundle Content

This bundle contains 1 courses and 1 digital downloads included!

Curso de Inteligência e Investigação em Fontes Abertas – OSINT - 10ª Edição

WB Educação
31 lessons
31h47 min

Conceitos, funcionalidades e aspectos práticos sobre fontes abertas e seu potencial uso para fins da inteligência, investigação criminal, investigação defensiva e utilização privada.

Sobre o curso de inteligênicia e investigação em fontes abertas #osint ["o mais tradicional da WB"]:

Observamos, no contexto atual, ampliado pela utilização da Internet em meio à pandemia do coronavírus, um crescimento cada vez maior da utilização de sistemas de comunicação via Internet. Esse fenômeno proporciona duas consequências em relação aos dados pessoais: aquilo que é coletado a respeito dos usuários e aquilo que é disponibilizado voluntária ou não voluntariamente na rede.

Parametrizando esse ambiente, de disponibilização de dados de maneira voluntária e involuntária, bem como da possível utilização para os mais diversos fins, surgem as aplicações práticas em termos de Open Source Intelligence (OSINT).

A inteligência em fontes abertas tem múltiplas finalidades e, como já observado em Barreto e Wendt (2020), tem como focos possíveis a investigação criminal, as vertentes da atividade de inteligência, o monitoramento de marcas e patentes, o levantamento de dados para fins de recursos humanos (recrutamento e desligamento), mas também a possibilidade de utilização para fins de investigação defensiva e inteligência comercial, financeira, antifraude, estratégica etc.

Para tanto, este curso tem em vista elencar conceitos, funcionalidades e aspectos práticos sobre as fontes abertas e seu potencial uso para fins da inteligência (competitiva, financeira, corporativa, policial, militar etc.), investigação criminal, investigação defensiva e utilização privada (recursos humanos, acompanhamento de marcas e patentes, evolução patrimonial, jornalismo investigativo etc.), partindo de um contexto geral e chegando ao contexto particular.

Em suma, tem como finalidade repassar conceitos de Internet, de fontes abertas e fechadas; como tudo funciona: Políticas de Privacidade e Termos de Uso; Polícia, Judiciário e Ministério Público: Emprego de OSINT; Crime e Fontes Abertas; Criação de um Assistente Virtual de Investigação (AVI) e uma OpSec; RH, bancos de dados públicos e Fontes Abertas; Dupla Verificação da Fonte; Técnicas e Ferramentas de Coleta em Fontes Abertas; Palavras-chave; Ferramentas de Busca; Google Hacking; Google: Imagens, Trends, Alerts. Sites: ranking e whois. Reversa de imagens: Exif Metadata; Pessoas e Empresas; Transporte; Ferramentas de preservação de dados e evidências online; Redes Sociais; Deep e Dark Web; dentre outros temas.

Objetivo Geral

Capacitar o participante do Curso de Inteligência e Investigação em Fontes Abertas - OSINT - 10ª Edição a coletar e analisar dados e informações em fontes abertas no contexto das surface e deep web, especialmente as funcionalidades a partir de engenhos e mecanismos/ferramentas de busca.

Objetivos Específicos

• Reproduzir habilidades técnicas para atuar no ambiente digital, de maneira segura, coletando e buscando dados e informações úteis ao desempenho da sua atividade laboral;

• Empregar na prática o conteúdo e as ferramentas indicadas;

• Empregar as técnicas e procedimentos na produção do conhecimento útil à atividade profissional e à empresa/corporação a que pertence;

• Desenvolver, na atividade de inteligência, uma cultura de obtenção, produção e proteção de conhecimentos hábeis à utilização na missão institucional;

• Desenvolver, na investigação criminal, uma cultura de obtenção e análise evidências digitais aptas a inquéritos e processos (administrativos e/ou judiciais);

• Desenvolver, no setor de recursos humanos, uma cultura de pesquisa e obtenção de dados aptos a gerar segurança na contratação e desligamento de colaboradores;

• Aplicar, na atividade de inteligência, a metodologia de coleta, busca e produção do conhecimento significativo às tomadas de decisões;

• Desenvolver a cultura de proteção de dados e controle de marcas e patentes, por meio do acompanhamento sistemático no ambiente online.

Certificação Conferida

CURSO DE INTELIGÊNCIA E INVESTIGAÇÃO EM FONTES ABERTAS – OSINT – 10ª EDIÇÃO

[30 HORAS-AULA]

Sobre os professores:

  • Prof.º Mestre Alesandro Gonçalves Barreto

Delegado de Polícia Civil do Estado do Piauí. É graduado pela Universidade Regional do Cariri (1998) e pós-graduado em Direito pela Universidade Federal do Piauí. Possui Mestrado em Seguridad de la Información y Continuidad de Negocio (Ciberseguridad) – Universidad Catolica de Murcia – Espanha.

Coautor dos livros: “Inteligência e Investigação Criminal em Fontes Abertas”, “Manual de Investigação Cibernética”, “Deep Web” (Brasport), “Vingança Digital” (Mallet) e “Cibercrimes e os reflexos no direito brasileiro” (Juspodivm). Foi Diretor da Unidade do Subsistema de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí de 2005 a 2016. Integrou o Grupo de Trabalho revisor da Doutrina Nacional de Inteligência de Segurança Pública. Professor de Cursos de Inteligência Cibernética pela SENASP (Secretaria Nacional de Segurança Pública) e SEOPI (Secretaria de Operações Integradas).

Professor na Academia de Polícia Civil do Piauí das disciplinas Inteligência de Segurança Pública e Investigação Policial e da Escola da Magistratura. Trabalhou na Secretaria Extraordinária para Segurança de Grandes Eventos do Ministério da Justiça (SESGE-MJ) e foi Gestor do NUFA (Núcleo de Fontes Abertas) durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Entre os anos de 2017/18, foi Coordenador Geral de Contrainteligência da Diretoria de Inteligência e Coordenador-Geral Substituto da Polícia Judiciária e Perícia da Diretoria da Força Nacional de Segurança Pública da Secretaria Nacional de Segurança Pública. Atualmente encontra-se mobilizado na Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública exercendo suas atividades no Laboratório de Operações Cibernéticas.

Mais informações: (Linkedin: https://www.linkedin.com/in/delbarreto19/ e Lattes: http://lattes.cnpq.br/7549439127781463).

  • Prof.º Doutor Emerson Wendt

Formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Santa Maria e Pós-graduado em Direito pela URI-Frederico Westphalen. Mestre e Doutor em Direito pela Universidade La Salle Canoas-RS.

Delegado da Polícia Civil do RS. Membro do Conselho Superior de Polícia – PCRS. Ex-Secretário Municipal de Segurança Pública de Canoas-RS. Ex-Chefe da Polícia Civil do Rio Grande do Sul e Presidente do Conselho Superior de Polícia da Polícia Civil (2016 a 2018). Foi Diretor do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico por duas oportunidades (2000 e 2015) e Diretor do Gabinete de Inteligência e Assuntos Estratégicos também por duas oportunidades (2005-2006 e 2011-2014). Foi Vice-Presidente Regional do Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC) de abril de 2016 a abril de 2017, passando a partir daí Vice-Presidência Executiva do mesmo Conselho, assumindo a Presidência em abril de 2018, deixando o posto em dezembro de 2018.Também foi Secretário-Executivo do referido Conselho no primeiro semestre de 2019. Entre janeiro de 2019 e janeiro de 2020, Diretor do Departamento de Inteligência de Segurança Pública da SSP/RS. Foi condecorado pelos seguintes órgãos: Exército Brasileiro, Marinha do Brasil, Força Aérea Brasileira, Ministério Público do RS, Assembleia Legislativa do RS, Ministério da Segurança Pública, Polícia Civil do Pará, Polícia Civil da Bahia, Polícia Civil de Sergipe, dentre outros. Recebeu o Título de Cidadão de Porto Alegre e de Nova Palma-RS.

Professor da Academia de Polícia Civil nos cursos de formação nas cadeiras de Inteligência Policial e Investigação Criminal, além de docente no Curso de Pós-Graduação em Gestão da Investigação Criminal da Polícia Civil gaúcha. Também, é/foi professor dos cursos de pós-graduação e/ou extensão do Senac-RS (Passo Fundo), IDC (Porto Alegre), Verbo Jurídico (Porto Alegre), UNIRITTER (Canoas e Porto Alegre), EPD (São Paulo, SP), IMED (Passo Fundo e Porto Alegre), ESMAFE/RS (Porto Alegre), UNITOLEDO (Porto Alegre), Unifacs (Salvador, BA) e Uninorte (Rio Branco, AC), FEMA (Santa Rosa-RS), CEISC e UNISC (Santa Cruz do Sul-RS), AJURIS (Porto Alegre-RS), FMP (Porto Alegre-RS), UPF (Passo Fundo), IDESP/FABAD (São Paulo), FDSM (Pouso Alegre-MG), Meu Curso (São Paulo), PUC/RS (Porto Alegre), UPE (Recife) e Unisinos (São Leopoldo). Já ministrou aula nas Academias das Polícia Civis de Pernambuco, Pará, Goiás, Paraná, Acre, Alagoas, Sergipe, Rondônia, Espírito Santo, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Piauí e Amapá. Já ministrou aulas aos Ministérios Público de Rondônia, Ceará, Pernambuco, Goiás, Mato Grosso e São Paulo.

Membro da Associação Internacional de Investigação de Crimes de Alta Tecnologia (HTCIA), do PoaSec e do INASIS, além de integrante, em 2019, do Comitê Gestor de Tecnologia da Informação da Secretaria de Segurança Pública do RS (GGTIC-SSP/RS), do Comitê Técnico de Tecnologia da Informação e Comunicação (CETIC-RS), da Comissão Mista de Reavaliação de Informações do RS (CMRI-RS) e do Conselho Deliberativo do Programa de Proteção à Testemunhas no RS (PROTEGE). Autor e colaborador dos seguintes livros:

- Inteligência Cibernética (Editora Delfos).

- "Crimes Cibernéticos: ameaças e procedimentos de investigação" (3ª edição: 2021), com Higor Vinícius Nogueira Jorge (Editora Brasport).

- "Inteligência Digital", "Investigação Digital em Fontes Abertas" e "Inteligência e Investigação Criminal em Fontes Abertas", com Alesandro Gonçalves Barreto (Editora Brasport).

- "Investigação Criminal: ensaios sobre a arte de investigar crimes" e "Investigação Criminal: Provas", juntamente com o Fábio Motta Lopes (Editoras Brasport e Livraria do Advogado).

- "Internet & Direito Penal - Risco e Cultura do Medo" (Livraria do Advogado Editora).

- "Tecnologia da Informação & Direito", com ngela Kretschmann (Livraria do Advogado Editora).

- "Direito & TI: cibercrimes" (Livraria do Advogado Editora).

- “O Direito Vivo”, juntamente com Valquiria P. Cirolini Wendt (Ed. Brasport).

- "Infiltração Policial: da tradicional à virtual", com Cristiano de Castro Reschke e Mayumi Matsubayaci (Ed. Brasport).

- “Investigação de Lavagem de Dinheiro e Enfrentamento à Corrupção: Leading Cases”, com Cristiano de Castro Reschke (Ed. Brasport).

- “Direito Policial: na raiz dos problemas”, com Valquiria P. Cirolini Wendt e Joaquim Leitão Jr. (Ed. Brasport).

- “Tratado de Inteligência Policial: aplicada a investigação criminal”, com Cristiano de Castro Reschke (Ed. Brasport).

Autor de diversos artigos e capítulos na área de Direito e Internet e Editor-Chefe da Revista Eletrônica Direito & TI (www.direitoeti.com.br, Qualis Capes B1).

Mais informações: (Linkedin: http://br.linkedin.com/in/emersonwendt e Lattes: http://lattes.cnpq.br/9475388941521093)

Professores Convidados:

  • Prof.º Especialista Francisco Jesús Rodríguez Montero

Ex-membro do Instituto Nacional de Segurança Cibernética da Espanha (INCIBE), departamento de luta contra o cibercrime e o crime cibernético. Reconhecimento de excelência pelo Instituto Nacional de Segurança Cibernética da Espanha (INCIBE). Professor do Mestrado em Inteligência Cibernética do Campus Ciberseguridad de España. Formador Cyberwall para para órgãos e forças de segurança do estado [Espanha]. Formador CSIRT República Dominicana (2021 y 2022). Formador do Commando Conjunto de Ciberdefesa da España (2020 y 2022). Chefe do programa de conscientização sobre cibersegurança do Banco Central do Chile com ITQLATAM.

Linkedin: https://www.linkedin.com/in/0fjrm0/ 

  • Prof. Mestre Pedro Monteiro da Silva Eleutério

Graduado em Engenharia de Computação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e mestre em Ciências da Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (USP). Atua como Perito Criminal Federal na área de Informática desde 2006. É autor do livro “Desvendando a Computação Forense”, uma das primeiras obras sobre Computação Forense no Brasil. É um dos autores colaboradores do livro “Tratado de Computação Forense”, que é a maior obra em língua portuguesa sobre o assunto. É professor de pós-graduação e de diversos cursos de aperfeiçoamento profissional sobre Computação Forense. É autor da "Ferramenta Forense NuDetective", que auxilia na identificação de arquivos de pornografia infanto-juvenil em computadores e smartphones. Também realiza pesquisas e possui diversos artigos científicos publicados em Computação Forense, tendo recebido, entre outros, os prêmios “1º Prêmio Destaque Forense” e “3º Prêmio Destaque Forense” concedidos pela Sociedade Brasileira de Ciências Forense (SBCF), “Travel Award Winner” concedido no encontro mundial de Peritos (20th World Meeting of the International Association of Forensic Sciences – IAFS 2014) e “Best Paper Awards” concedidos no 5th ICoFCS (International Conference of Forensic Computer Science) e também no DFRWS EURO 2023. Também possui as seguintes certificações forenses internacionais da Cellebrite: Cellebrite Advanced Smartphone Analysis (CASA), Cellebrite Evidence Repair Technician (CERT-F), Cellebrite In-System Programming (CISP) e Cellebrite Chip-Off Forensics (CCOF).

Mais informações: (site oficial: www.eleuterio.com e Lattes: http://lattes.cnpq.br/4648606349435392).

1 days duration
  • 1. Orientações iniciais e mentoria
  • 2. Apresentação do curso, professores e bibliografias
  • 3. Fontes Abertas - Aspectos Gerais [Parte 1]
  • 4. Fontes Abertas - Aspectos Gerais [Parte 2]
  • 5. Fontes Abertas - Aspectos Gerais [Revisão]
1 days duration
  • 1. Assistente Virtual de Investigação - AVI
  • 2. Mecanismos e Ferramentas de Busca [Parte 1]
  • 3. Mecanismos e Ferramentas de Busca [Parte 2]
1 days duration
  • 1. Domínios: sites, hospedagens e responsabilidades
  • 2. Revisão e respostas a questionamentos
  • 3. E-mail: coleta de dados e análise de head [Parte 1]
  • 4. E-mail: coleta de dados e análise de head [Parte 2]
1 days duration
  • 1. SocMint - Redes sociais [Parte 1]
  • 2. SocMint - Redes sociais [Parte 2]
  • 3. Revisão - SOCMINT - Ferramentas
  • 4. SocMint - Redes sociais [Parte 3]
1 days duration
  • 1. Imagens, vídeos, telefones e mapas [Parte 1]
  • 2. Imagens, vídeos, telefones e mapas [Parte 2]
1 days duration
  • 1. Investigação Patrimonial (Pessoas & Empresas) [Parte1]
  • 2. Investigação Patrimonial (Pessoas & Empresas) [Parte2]
  • 3. Sites oficiais e transparência pública
1 days duration
  • 1. Blockchain e criptoativos [Parte 1]
  • 2. Blockchain e criptoativos [Parte 2]
  • 3. Deep Web e coleta de dados [Parte 1}
  • 4. Deep Web e coleta de dados [Parte 2]
1 days duration
  • 1. Repositório de Ferramentas OSINT
  • 2. Socmint - Mindmap e Procedimentos
  • 3. Domínios - Mindmap e Procedimentos
  • 4. Investigação Patrimonial - Mindmap by CPF
  • 5. E-mail - Mindmap e Procedimentos
  • 6. Orientações finais: certifcado e mentoria

eBook OSINT: Ferramentas & Metodologias

1 File
Alesandro Gonçalves Barreto, Emerson Wendt

Guia Prático de Inteligência em Fontes Abertas

Que bom que você está aqui, interessado neste trabalho, baseado nos conhecimentos que adquirimos nos mais de 10 anos que os autores, Emerson Wendt e Alesandro Barreto, dedicam ao tema da inteligência e investigação em fontes abertas, a OSINT [Open Source Intelligence].

Você deve estar se perguntando: o que tem de diferente neste eBook?

Bom, vamos lá!

Primeiro, é um eBook direcionado para quem faz os cursos da WB. Você deve lembrar que, nas primeiras edições, enviávamos uma edição do nosso livro e, muitas vezes, não abordávamos tudo no curso. Com este eBook, há correlação dos temas com os cursos que são ministrados pelos autores, sejam parciais, sejam totais.

Segundo, este eBook é um princípio de informações práticas, ferramentas e metodologia de aplicação de OSINT. Os principais pontos abordados no curso, especialmente os ministrados pelos autores, são baseados neste eBook e vice-versa. Então, se você adquiriu o curso, a última edição, podes ir acompanhando pelo eBook; se você adquiriu o eBook e não o curso, pode desenvolver sua atividade OSINT sozinho ou, também, optar por adquirir nosso curso.

E, terceiro, nada melhor que transformar um conteúdo fácil e direto em uma obra [digital] que possa auxiliar você!

Finalmente, o livro, que estará na sua quarta edição em 2024, é muito, mas muito, mais completo, contemplando mais informações, ferramentas e aplicações de fontes abertas em investigação, em recursos humanos, em jornalismo investigação, em policiamento preventivo, em policiamento repressivo, em inteligência cibernética, em inteligência sobre ameaças cibernéticas, ou seja, em segurança cibernética.

Sobretudo, com este eBook você estará apto a evoluir na atividade e se auto aprimorar.

Boa leitura e sucesso na utilização dos conhecimentos aqui trazidos.

FILE.TITLE